Planetas

Marte Retrógrado: 26/06/2018 a 28/08/2018

Matérias Especiais

Antes de falarmos sobre a retrogradação, acho interessante comentar um pouco sobre o planeta Marte em si.

categorias:

Antes de falarmos sobre a retrogradação, acho interessante comentar um pouco sobre o planeta Marte em si.

Na Astrologia, esse planeta está associado ao nosso impulso de ação, à proatividade e assertividade, também ao espírito competitivo que nos incita e – é claro – à agressividade, já que estamos falando de uma energia bastante forte. Assim, quando transita pelo céu, esse planeta vai acionando determinadas áreas de nossas vidas, fazendo com que fiquemos mais ativos, mais enérgicos e consequentemente, um pouco mais agressivos naquele setor. Agora, temos um Marte retrógrado no signo de Aquário.

Recebemos uma energia muito densa de um planeta que fica retrógrado. Não que isso necessariamente resulte em aspectos exclusivamente negativos, mas sentimos essa energia de forma muito intensa, ou seja: ficamos impacientes, apressados, querendo que as coisas se resolvam… E, ao mesmo tempo, talvez justamente por toda essa ansiedade, passamos a ter a impressão de que tudo está parado demais.

O período em que Marte fica retrógrado engloba uma fase que pode compreender algumas brigas, desentendimentos, irritações… Assim, uma das primeiras questões à qual podemos nos deter nesse período, é: precisamos mesmo brigar por isso?

É importante ressaltar que, ao mesmo tempo em que todos ficamos mais irritadiços, nosso impulso de ação produtiva diminui. Todos queremos fazer mais, lutar mais, mas acabamos desperdiçando energia no que pode não ser produtivo, deixando de investir naquilo que realmente precisava de nossa atenção.

Inícios de grandes projetos não são favorecidos com a retrogradação de Marte. Esses projetos podem até começar com impulso total, mas a energia tende a se gastar toda no começo, de forma que faltará gás para levar os mesmos até o final. Além disso, é importante não invadir o espaço do outro nesse período, já que todos estaremos mais impulsivos e intolerantes; não vamos dar opiniões invasivas, especialmente se não formos chamados, ok? E vale também priorizar as atividades que nós podemos fazer por conta própria, sem a dependência do outro; afinal, sendo um período de energia ativa que se gasta rapidamente, é possível que fiquemos esperando sentados se dependermos da atitude alheia.

O setor de nossas vidas que ficará mais lento, mais parado, ou que passará por mais brigas e inflamações, depende, é claro, do Mapa Astral de cada um. Mesmo assim, vale uma dica importante: mesmo que esse setor, qualquer que seja ele, fique mais parado, não desista de empregar energia no mesmo. Mude a energia a ser empregada: planeje mais, calcule melhor os passos a serem dados, mantenha uma postura mais madura e perceba as reações que acontecem ao redor. Mesmo assim, vale não ficar parado, já que a energia contida pode gerar resultados ruins. Mexa-se, mas com cautela! Vislumbre onde você quer chegar e dê um passo de cada vez, mantendo em foco seus objetivos.

A retrogradação de Marte é um processo natural que ocorre de tempos em tempos. Não é o fim do mundo e nós podemos nos sair muito bem, desde que saibamos lidar com essa energia.

Você sabe quais planetas e casas astrológicas do seu mapa serão influenciados pela retrogradação de Marte? Agende uma consulta astrológica para compreender como lidar mais facilmente com essa energia.

Em 2018, Marte fica retrógrado de…

26 de Junho a 28 de Agosto

Áries:

Touro:

Gêmeos:

CÂNCER:

Leão:

Virgem:

libra:

escorpião:

sagitário:

capricórnio:

aquário:

peixes:

Matérias Relacionadas:

Céu da semana: 13/09/2021 a 19/09/2021
clique aqui
Céu da semana: 06/09/2021 a 12/09/2021
clique aqui

todas as matérias