Trânsitos planetários

Júpiter em Capricórnio: prosperidade racionada

Neste dia 02 de dezembro de 2019, Júpiter ingressa no signo de Capricórnio. Aqui, o planeta das oportunidades continua oferecendo prosperidade, mas de forma muito mais comedida e racionada. Leia à matéria para entender sobre esse trânsit

categorias:

O planeta Júpiter, na Astrologia, é considerado o “grande benéfico”. Trata-se de um planeta que traz oportunidades, abertura de caminhos, prosperidade, capacidade de expansão e fartura, assim como também alimenta o otimismo, a fé na vida, a boa sorte. Naturalmente, esse mesmo planeta fala sobre excessos, negligências e exageros; afinal, é difícil ter uma medida coerente quando se trata de Júpiter.

Ao longo de praticamente todo o ano de 2019, Júpiter esteve no signo de Sagitário. Ele fica cerca de 12 meses em um mesmo signo, e portanto, demora 12 anos para completar a volta completa em torno do zodíaco. Ao longo de 2019, Júpiter esteve em sua “casa”; afinal, ele rege o signo de Sagitário, e assim sendo, está bem posicionado nele.

Não é de se admirar que, em 2019, tivemos muitas portas surpreendentemente sendo abertas. Júpiter, o planeta das oportunidades, esteve dando generosamente; e se por um lado isso permitiu que tivéssemos frutos inesperados até de atividades em que não estávamos desenvolvendo, o esforço não estava sendo proporcional ao resultado. Ou seja: bastava tocar em algumas atividades para que elas se desdobrassem positivamente sozinhas; mas não importava quanto de empenho colocássemos em determinada tarefa, não era certeza que ela iria para frente.

Isso acontecia porque Júpiter tem suas próprias regras. Da mesma maneira que nos beneficia quando menos esperamos, ele não traz resultados apenas baseando-se nos nossos esforços. Na verdade, ele favorece descomedidamente, como em uma roleta da sorte, os assuntos que mais lhe interessam. E também não é de se esperar que Júpiter em Sagitário tenha trazido um elevado idealismo, um excesso de expectativas e um otimismo desmedido - inclusive desconectado da realidade. Mas isso chegou ao fim.

A partir deste dia 02 de dezembro de 2019, e praticamente ao longo de todo o ano de 2020, Júpiter estará em Capricórnio. Aqui, o planeta das oportunidades fica restrito. Ele não consegue agir a seu bel-prazer; portanto, ele não mais nos oferece coisas de “mão beijada”. É como se esse glorioso deus das oportunidades colocasse um olhar atento e astuto sobre todos nós. Ele agora está muito mais severo conosco e não vai oferecer descomedidamente.

O ano de 2020, dessa forma, não será de excessos ou exageros. Não teremos essa prosperidade desmedida em determinados setores de vida; no entanto, é com felicidade que podemos supor que Júpiter irá favorecer somente alguns de nós - os que realmente demonstrarem muito empenho, muita determinação e muita força de vontade para crescerem e se destacarem. Quanto a todos os outros, que estavam até então apenas surfando na crista da onda, podemos prever que certamente, irão sofrer um choque de realidade.

A verdade é que Júpiter não irá tirar de nós o que é nosso. Ele apenas passará a aplicar testes para ter certeza de que merecemos aquilo pelo que estamos lutando; agora, já não será o planeta da prosperidade desmedida, mas da prosperidade racionada. Essa prosperidade somente será oferecida para as pessoas que realmente fizerem por merecer e tentarem seu melhor para se destacar naquilo que fazem.

Outra reflexão importante: em qual casa astrológica você tem o signo de Capricórnio no seu mapa astral? Ora, sendo Júpiter o planeta dos benefícios, esteja preparado para colher coisas muito boas nessa casa astrológica em que você possui Capricórnio. Só não se esqueça, é claro, de dar o seu melhor nos assuntos relativos a essa casa também!

Bom trânsito de Júpiter em Capricórnio a todos nós. E que venham as oportunidades para aqueles que fazem por merecer!

 

Para consulta astrológica: bianogastrologia@gmail.com

Áries:

Touro:

Gêmeos:

CÂNCER:

Leão:

Virgem:

libra:

escorpião:

sagitário:

capricórnio:

aquário:

peixes:

Matérias Relacionadas:

Céu da semana: 13/09/2021 a 19/09/2021
clique aqui
Céu da semana: 06/09/2021 a 12/09/2021
clique aqui

todas as matérias